Rafael Lins e a escalada da MadeiraMadeira

Linte > Blog > Casos de Sucesso > Rafael Lins e a escalada da MadeiraMadeira
  • Bruno Calzavara
  • Nenhum comentário
linte-stories-rafael-lins-madeiramadeira

“A Linte me trouxe uma grande segurança, e isso é impagável. Todas as demandas da empresa entram por lá, então qualquer colaborador pode ter visão das etapas. Antes, tudo ficava solto, precisávamos buscar nos e-mails, pastas e perguntar no Slack.”

Baixe esse estudo de caso em PDF.

Basta uma busca rápida na internet, por qualquer tipo de móvel, e logo a MadeiraMadeira aparece como destaque dentre as opções. 

O e-commerce de bens para o lar é sediado em Curitiba e vem crescendo absurdamente nos últimos anos (em 2021, tornou-se unicórnio, nome dado a empresas avaliadas em ao menos US$ 1 bilhão), impulsionada pelo modelo de marketplace e por seus showrooms espalhados pelo País.

Como toda startup pautada na tecnologia, precisa escalar o negócio de forma ágil. Foi nesse sentido que a varejista online buscou a Linte como a solução ideal para desafogar sua rotina de gestão de contratos.

Então, para contar como nosso CLM facilita a vida do jurídico corporativo, conversamos com o Rafael Lins, Senior Legal Manager da MadeiraMadeira.

O Rafael gestor

Natural de João Pessoa (PB), amante do vôlei, formado em Direito e atualmente fazendo mestrado na área, o Rafael se encantou por Curitiba após um período de férias, e lá ficou – isso há 8 anos.

Na capital paranaense, teve sua primeira oportunidade de trabalhar em um departamento jurídico corporativo, em 2014. A Rumo, especializada em logística, foi sua casa por pouco mais de 3 anos. 

Seguiu para a BBM Logística, com um grande desafio de criar um departamento jurídico do zero: “Fui construir minha Brasília: planejada, pensada e organizada. No entanto, a companhia tinha uma estrutura um pouco conservadora, tentando se profissionalizar”. 

A oportunidade de trabalhar na MadeiraMadeira se deu em 2020, em uma conversa com o CFO da empresa. “O bate-papo que tivemos foi totalmente focado em cultura e propósito. Isso me atraiu bastante”, conta.

Como Senior Legal Manager, Rafael explica que um dos grandes objetivos da sua gestão é trazer o melhor dos mundos: “Sustentar o crescimento vertiginoso, deixar as pessoas se desenvolverem e ter uma gestão adequada de tudo que acontece na área”.

Linte CLM no dia a dia do time

Hoje, com um jurídico de 12 pessoas, a MadeiraMadeira utiliza o CLM prioritariamente para atender demandas de outras áreas, que vão desde consultas simples a negociações de contratos complexos. 

Tudo isso de forma automatizada, com mais de 150 fluxos de trabalho configurados na ferramenta, de modo a garantir a máxima eficiência para os advogados e a melhor experiência para as áreas de negócio.

Mas até pouco tempo atrás, não era assim. Antes de receber algumas indicações do Linte CLM de colegas, o Rafael até tentou, junto com o time de desenvolvedores da empresa, criar um sistema interno. 

Não deu tão certo quanto ele desejava, então conseguiu convencer a gestão da empresa sobre a necessidade de terceirizar os processos, por meio da contratação de uma plataforma. 

Primeiro, foi trocado o sistema de contencioso. Depois, o de gestão de contratos. Foi então que o Linte CLM chegou na vida do Rafael e do seu time, em agosto de 2021.

Rafael conta que, desde o início da implementação, o match foi muito bom, principalmente por conta dos fluxos de solicitação de demandas

“Hoje em dia as pessoas tiram dúvidas comigo, clicando três vezes em um botão. Isso muda tudo, principalmente em um ambiente de startup, em que tudo se transforma o tempo todo”, revela.

Gostou de conhecer um pouco sobre como escalar os negócios por meio de um jurídico estratégico, sustentado por alta tecnologia?

Este é apenas o início de uma série de publicações sobre como nossos clientes vêm desafogando a rotina da gestão de contratos. Em breve, tem mais post novo aqui no blog!

Se você quiser fazer o download deste texto no formato PDF para reler quando quiser, basta clicar aqui!

Open chat
Precisa de ajuda?
Fale com especialista